PROFEI vai contribuir para formação de professores na perspectiva inclusiva

15 out de 2019 - por: shorst

O PROFEI (Mestrado Profissional em Educação Inclusiva em Rede Nacional), idealizado no âmbito da Câmara de EaD da Abruem (Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais), foi lançado oficialmente no dia 25 de setembro, no campus Presidente Prudente da Unesp (Universidade Estadual Paulista). O início da pós-graduação está previsto para março de 2020. 

O curso terá 150 vagas distribuídas entre as instituições de ensino que se associaram nesta primeira proposta (UEM, UEMA, Unemat, UEPG, Udesc, Unespar, Unifesspa e Unesp). As instituições colaboradoras são UFJF, UFMT, AFAL, UFSM e UAB Portugal.

O público-alvo do mestrado é composto por professores e gestores em exercício na educação básica. As linhas de pesquisa são: Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva; Práticas e Processos Formativos de Educadores para Educação Inclusiva e Inovação Tecnológica e Tecnologia Assistiva. A estrutura curricular conta com três disciplinas obrigatórias e outras 22 eletivas, nas áreas de Gestão, Diversidade, Políticas Públicas, Educação Especial, TDIC, Acessibilidade entre outras.

 

Objetivo
O objetivo é desenvolver processo formativo profissional para uma sociedade inclusiva, com metodologias inovadoras para construir habilidades e competências dentro do ambiente escolar e em seu próprio cotidiano, tanto no contexto social, familiar e profissional. 

Para tal, foi estabelecida uma Rede Nacional na Modalidade Híbrida de Educação com pesquisadores de IES públicas das cinco regiões do país. Haverá, também, a participação da Universidade Aberta de Portugal, para promover a internacionalização do programa. A expectativa é contribuir para a formação de professores na perspectiva inclusiva, tendo em vista que a política da área tem demandado por programas dessa natureza.

 

Educação Híbrida e encontros presenciais
A Educação Híbrida na rede será proporcionada por um proposta pedagógica que considere materiais digitais ou não e disponibilização em  Ambiente Virtual de Aprendizagem acessível; materiais e atividades online e assíncronas; atividades síncronas de webconferências com professores do programa; alto nível de interação entre docentes, tutores e alunos; mediação pedagógica efetiva; disseminação e compartilhamento de material de excelência e acessível; além da constituição de uma rede de aprendizagem.

Já a parte presencial do mestrado será desenvolvida nos polos, que serão nas instituições parceiras associadas ao programa. Estão previstos encontros periódicos para trabalho interdisciplinar, grupos de estudos, avaliações, orientações, exame de qualificação e defesa da dissertação.

De acordo com o professor Klaus Schlünzen Junior (Unesp), o PROFEI pretende maximizar o potencial de formadores e pesquisadores no campo da educação inclusiva, podendo articular diferentes realidades. “Teremos oportunidade e capacidade de responder em escala a demanda de formação decorrente das atuais políticas educacionais, possibilitando parcerias com universidades com significativas experiências na área para atender a demanda nacional por meio da Rede”, afirmou. Informações: Centro de Promoção para Inclusão Digital Escolar e Social da Unesp: (18) 3229-5890.

A coordenadora do Nead Unicentro, professora Maria Aparecida Crissi Knuppel, participou do lançamento do programa, representando a Câmara de EaD da Abruem, e destacou o interesse da Unicentro em fazer parte do PROFEI, logo após o ciclo avaliativo dessa primeira oferta.

 


Compartilhe

Comentários sobre esta notícia



Entre em Contato

Atendimento de Segunda a Sexta-feira, das 9h às 18h.
42 3621-1095 I 42 3621-1348
Envie-nos suas dúvidas ou sugestões
nead.unicentro@gmail.com
Rua Padre Salvador, 875 - Santa Cruz
Cx. Postal 3010 - CEP 85015-430 - Guarapuava - PR